Nossa Nova York – onde ficar

Times Square a poucos metros do Hilton Garden Inn da 8th Ave

Hospedagem em Nova York é um desafio. Para ficar em Manhattan pode-se ter que desembolsar muitos dólares… É um ponto da viagem que merece atenção e muitas vezes desanima o turista.

Uma diária de hotel, mediano, pode ficar na faixa de R$1.000,00!

Mas, calma! Há promoções e com pesquisa se pode conseguir boas opções!

Procurei a cotação dos hotéis pelo Tripadvisor e Booking e fui fechando reservas com cancelamento gratuito nos que me interessavam. Assim, garantia os hotéis para depois decidir em qual ficar (mas depois tem que lembrar e cancelar as reservas que não serão a opção final de escolha).

Li várias resenhas e pontuei considerações como localização, acesso ao metrô, atrações, limpeza, boa noite de sono.

No final, fiz uma lista dos cinco que mais atendiam e fui acompanhando os preços, caso abrisse alguma promoção interessante.

Assim conseguimos fechar nossa hospedagem no Hilton Garden Inn Times Square.

Foi uma escolha muito boa. A localização é excelente para uma primeira ida a NY, próximo a estação de metrô e com várias food courts, restaurantes e cafés nas redondezas.

Boas opções para comer pertinho do hotel

O quarto era espaçoso e ainda contava com cafeteria, frigobar e microondas. Tinha até banheira para relaxar no fim do dia! A limpeza era muito bem feita.

A diária não incluía café da manhã, isso é comum nos hotéis em NY e ajuda a diminuir no custo da hospedagem. Com um quarto bem equipado, pode-se comprar produtos e comer no quarto do hotel, ou aproveitar os cafés próximos e tomar um típico americano.

Reservamos nossa estadia pelo Decolar.com por um ótimo preço, já convertido em reais, e com a possibilidade de parcelar no cartão de crédito.

But…..Há duas situações que precisam ser alertadas. Não foram motivos para não indicar hotel, mas espero que sirvam de alerta para ele ou como referência para se verificar em outro.

A primeira é quanto ao barulho. Não preciso dizer que ter silêncio próximo à Times Square é algo bem difícil, mas há ruas mais e menos movimentadas. A 8th avenue, neste ponto onde se localiza o Hilton Garden Inn, tinha barulho normal para NY. Mas o elevador do hotel é mais velho e à noite escutávamos ruídos dele. Outra coisa comum é o barulho nos corredores do hotel, devido ao grande fluxo de hóspedes, chegando e saindo nos horários mais variados. Nada que um tapa-ouvido não ajude, mas é bom alertar.

O outro porém foi uma situação desagradável que nos ocorreu. Um amigo havia feito uma compra pela Amazon, para ser entregue em nosso nome no hotel. Fui por duas vezes na portaria para certificar a chegada da encomenda e não a localizaram. Quando já tinha deixado o hotel e consegui falar com nosso amigo, ele verificou junto à Amazon e foi informado que o objeto havia sido entregue na portaria do hotel. Ficamos muito tristes com o ocorrido, o prejuízo do nosso amigo, e não obtivemos uma resposta adequada do hotel.

Sei que fazer compras pela internet e mandar entregar no hotel é prática comum para muitos turistas, agilizando assim a aquisição dos itens de interesse. Mas tivemos esse problema e eu teria cautela em se tratando deste hotel.

Assim, somados todos os pontos, o saldo foi positivo no quesito hospedagem.

Igreja cristã com coral gospel pertinho do hotel

Indo novamente, eu arriscaria ficar em locais mais distantes dos pontos turísticos, ou mesmo fora da ilha, privilegiando com isso um menor preço. Nova York é uma cidade fácil para se locomover, mas, em uma primeira vez, escolher uma hospedagem mais bem localizada facilita muito o dia-a-dia. Estávamos apenas a dois quarteirões da Broadway e um de uma das linhas de metrô.

Tem sugestões, quer mais dicas? Comentem e responderemos com prazer!

Curtiu? Conta pra gente!