Viagem de sabores em Belo Horizonte – cozinhas internacionais

É possível, mesmo sem sair de nossa própria cidade, conhecer um pouco da cultura de outros países através da culinária.

Fiz recentes visitas a três estabelecimentos em Belo Horizonte/MG que oferecem comidas internacionais típicas, sendo que em dois deles os proprietários e funcionários também são estrangeiros.

Na rua Paraíba, n. 1378, na Savassi, fica o Sítio Sírio, uma lanchonete de comida árabe, dirigida pelos gentis donos que vieram da Síria. Ali encontramos shawarma, falafel, quibe, doce árabe e outros delícias, tudo muito bem preparado, na hora, com bom preço. É possível comer no local ou levar para viagem.

Shawarma no Sítio Sírio
Doce árabe

Já no Prado, pude experimentar autêntica comida indiana no restaurante Namaste, localizado na avenida Francisco Sá, 355. No horário de almoço pode-se pedir a la carte, há pratos executivos e, ainda, um pequeno self-service a quilo. O destaque fica para os pães indianos (naan), assados na hora, e a samosa, pastel frito típico indiano, ambos deliciosos. Experimentei o sherbet, refresco com essência de rosas. Muito interessante!! O local é simples, agradável, e o preço justo.

Naan de queijo, acompanhado de sherbet e molhos
Pratos executivos no almoço no Namaste

E bem perto da praça da liberdade o novo espaço, Samba Fresh (avenida Bias Fortes, 368) lança a comida havaiana para os mineiros. São servidas saladas, sucos maravilhosos – as limonadas de frutas arrasam – além do poke, prato típico que leva salmão, atum ou cogumelos e acompanhamentos, servido em um potinho. A refeição é leve, mas sustenta e tudo é bem fresco e saboroso. Voltaria mil vezes! Parabéns pela iniciativa.

Poke & Juice no Samba Fresh

E continuamos conhecendo BH e procurando tudo que há de interessante para compartilhar com vocês.
Nota: Este post não recebeu patrocínio e se baseia na experiência dos administradores do Dedo no Mapa.

 

 

3 opiniões sobre “Viagem de sabores em Belo Horizonte – cozinhas internacionais

  • julho 4, 2017 em 10:25 pm
    Permalink

    Desses eu só conheço o Namastê, que adoro e já fui várias vezes – na verdade vou mais no Buffet Bhagwan, que é da mesma família e tem o cardápio idêntico.

    Resposta

Curtiu? Conta pra gente!